NÃO OLHE PARA TRÁS




NÃO OLHE PARA TRÁS

Fui ver a Rosa, e lembrei-lhe de que mandei-lhe um recado. Afinal, somos amigas virtuais aqui, na Netlog e no Face. Mas não tive condições de lê-la. Tenho muitas dores agora e agora me despeço com este texto da Silvia.

Caminhando pela vida há sempre aqueles dias quando as decisões têm que ser tomadas, quando as escolhas são difíceis, as soluções parecem poucas e parece que chuvas impedem a sua marcha.

Há algumas situações em que tudo que você pode fazer é simplesmente deixar que elas aconteçam e prosseguir, reunindo forças, escolhendo outras direções que possam levá-lo a uma nova aurora.

É a hora de empacotar seus problemas e dar um passo à frente.
O processo de mudança pode ser duro, mas pense na alegria que está mais adiante, se você puder ser suficientemente corajoso.

Pode haver aventuras que você nunca imaginou apenas esperando na próxima curva; desejos e sonhos bem perto da realização em formas que você ainda não pode entender.

É possível que você encontre novas amizades que farão florir novos interesses assim que você sair dessa rotina.
E poderá aprender que a vida oferece muitas opções e muitas formas de crescimento.

Talvez venha a conhecer lugares que nunca imaginou e veja coisas que você nunca viu ou viaje para maravilhosos e distantes mundos, pegando promissores atalhos pelo caminho.

Talvez você encontre calor, afeto e carinho, talvez um "alguém especial" que lá está para ajudá-lo a se encontrar, ouvindo com interesse as histórias e os sentimentos que você quer compartilhar.

Talvez você se conforte ao saber que há amigos que o apoiam em tudo o que você faz e acredite que, seja qual for a sua decisão, eles serão a escolha certa para você.

Então vá dando um passo de cada vez, vivendo a vida um dia de cada vez. Há um dia mais brilhante lá no fim da estrada!

Não olhe para trás:
você não está indo nessa direção!

Silvia Schmidt