AGORA, EU VENHO CHORAR AQUI


agora, eu venho chorar aqui. estou, literalmente, um caco. Acaba de quebra-se-me um copo no pé direito. E o tanto que fiz aqui hoje, porque sangue novo, tudo novo, menos as Sétimas, porque já é abuso. Não agüento mais visitinhas, beijinhos, etc., todo dia. Posso fazer isso de quando em vez. Não tenho saúde e o que eu dou vai no post, espero, ainda que esperem a minha visita pra vê-lo. Ficam a ver navios, não consigo. Algumas pessoas, faço um esforço, porque precisam muito de mim, mas é quando estou no fim, como agora. Aqui, este meu novo amigo é 10, gosta mesmo do que eu publico. Valeu, querido, que está junto com a querida. Beijos***********


QUANDO EU DISSER ADEUS

  


Quando eu disser adeus, amor, não diga 
adeus também, mas sim um " até breve "; 
para que aquele que se afasta leve 
uma esperança ao mesmo fadiga 


da grande, inconsolável despedida ... 
Quando eu disser adeus, amor, segrede 
um "até mais" que ainda ilumine a vida 
que no arquejo final vacila e cede. 


Quando eu disser adeus, quando eu disser  
adeus, mas um adeus derradeiro, 
que a sua voz me possa convencer 


de que apenas eu parti primeiro, 
que em breve irá, que nunca outra mulher 
amou de amor mais puro e verdadeiro ...


Alphonsus de Guimarães
Estes dois provedores que é pra deixar qualquer um de cabelo em pé.
Ps: Quanto ao vídeo: Ela é admirável, mas é uma atriz, remember this.